Termo

Tibetano:

ཕ་རོལ་ཏུ་ཕྱིན་པ་

pha rol tu phyin pa

foi para além/ foi para a outra margem

Sânscrito:

पारमिता

pāramitā

foi para a outra margem

Português:

pāramitā, virtude transcendente, perfeição transcendente

Lit. “o que foi além”. São as seis “perfeições transcendentes” que constituem a prática principal dos bodhisattvas, nomeadamente: a generosidade, a disciplina ética, a paciência, a diligência, a concentração e a sabedoria; cuja prática leva à progressão no caminho Mahāyāna até que seja alcançada a budeidade completa. [STLX]

As pāramitās podem ser seis ou dez e o que transforma um ato comum de, por exemplo, generosidade numa pāramitā, ou perfeição transcendente, é a sabedoria (prajñā ) da vacuidade; nomeadamente a vacuidade das três esferas: sujeito, objeto e ação.

Inglês:

pāramitā, transcendent perfection, transcendence, perfection

Espanhol:

Francês:

Italiano:

perfezione trascendente